[ serviços ]

Têmpera

A fim de aumentar a resistência dos vidros, a flexão e as diferentes temperaturas que podem chegar a 200°C, o processo de Têmpera se baseia no aquecimento gradativo do vidro até que atinja a temperatura de 700°C (estado plástico) e, logo em seguida, um resfriamento abrupto –  que lhe conferirá as características necessárias de um Vidro Temperado.